Entre a corrupção e a ineficiência: a implementação do Estado Gerencial Brasileiro como um dos mitos do direito administrativo

Emerson Affonso da Costa Moura

Resumo


Análise crítica da tentativa de implementar o Estado Gerencial à luz da realidade das instituições político-administrativas brasileiras é o tema posto a debate. Analisa-se em que medida foi possível através das referidas reformas legislativas a cultura administrativa solidificada na ação estatal. Para tanto abordará a formação patrimonialista estatal, a tentativa de reformas administrativas e a proposta do Estado Gerencial Brasileiro com as críticas pertinentes à luz dos mitos administrativos.

 

Critical analysis of the attempt to implement the Managerial State in light of the reality of Brazilian political-administrative institutions is the subject of debate. It is analyzed to what extent it was possible through the aforementioned legislative reforms the solidified administrative culture in the state action. In order to do so, it will address state patrimonial formation, the attempt of administrative reforms and the proposal of the Brazilian State Management with the pertinent criticisms in the light of administrative myths.


Palavras-chave


Administração Pública; Reformas Administrativas; Estado Gerencial Brasileiro; Corrupção; Ineficiência.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 <br><br><br>Revista de Direito da Administração Pública<br><br>Law Journal of Public Administration<br>

Indexada em | Indexed by | Indizada en:

 Google Acadêmico

 
Periódicos/CAPES

HTML tutorial
 
 

DOAJ - Directory of Open Acess Journals


Diadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras

 

Latindex

ResearchBib - Academic Resource Index


Sumários de Revistas Brasileiras

Road - Directory of Open Acess Scholarly Resources

Livre - Revistas de Livre Acesso

ISSN - International Standard Serial Number